Depois de 12 anos depois do lançamento do último jogo da franquia Monster Hunter para console, no começo desse ano (2018) temos a volta triunfal do jogo. Leia abaixo a nossa impressão de Monster Hunter: World.

Antes de começarmos a falar do jogo,  vale lembrar que a série Monster Hunter passou por algumas mudanças, já que era um jogo voltado para um público de nicho. O Objetivo da Capcom mudou algumas coisas no jogo, mas o mais importante que a jogabilidade ela manteve quase que inalterada. No começo você pode até achar a jogabilidade é ruim, mas não se engane, a jogabilidade é até que então complexa no primeiro momento só que aos poucos você vai vendo que não é isso. No jogo podemos andar, correr, atacar, pular, esquivar, usar itens e além de poder fundir matérias para criar armamentos e armaduras para o seu personagem. Tudo isso e mais um pouco fazem com que o gameplay de Monster Hunter: World seja completo em questão de movimentos. Um único problema que você vai perceber é que os controles bem de vez em quando demoram alguns segundos para responder ao seu comando, isso acontece com muita raridade, porém quando acontece pode significar a perda de uma batalha contra um monstro. Outra coisa que vale lembrar é a dificuldade do jogo que é alta, e o pior, não podemos diminuir ela, para muitos dos veteranos da franquia o jogo pode ser até simples, mas os novatos podem ter um pouco de trabalho no começo.

Podemos dizer que desde o primeiro Monster Hunter, lançado oficialmente no Playstation 2, os gráficos sempre foram belos, e no World não é nada diferente. Temos um dos jogos mais belos do console, com gráficos muito bonitos e com uma qualidade e velocidade de renderização muito boa. O medo era que para os consoles de entrada da nova geração, como o Playstation 4 e o Xbox One, o jogo ficaria muito diferente da versão normal para as versões premiums(PS4Pro, XOneX). Mas isso foi algo que a Capcom soube trabalhar muito bem, pois obviamente temos uma melhora gráfica, principalmente com as sombras e algumas texturas estão melhores. Ou seja, você tendo um console de entrada vai conseguir desfrutar dos belíssimos gráficos que Monster Hunter: World tem a oferecer. Abaixo separamos um vídeo de comparação entre o jogo rodando no Playstation 4 e no Playstation 4 Pro. Só vendo você pode tirar suas próprias conclusões:

Uma coisa que decepciona por enquanto é a conexão do jogo, podemos jogar MHW em coop com até 16 jogadores, mas nas missões só podemos ter ajuda de mais 3, isso seria maravilhoso se a conexão online do jogo não fosse HORRÍVEL. Nos primeiros dias de lançamentos os servidores estavam totalmente irregulares, mas até já era de se esperar, já que nos primeiros dias o jogo vendeu aproximadamente de 5 milhões de cópias, algo que até a própria empresa não estava esperando. O fato é que os servidores até hoje estão danificados, muitas vezes tentamos convidar diversos players para jogar em party e em quase 98% das vezes deu erro na hora de entrar. E sem contar nos loadings que demoram bastante. Mas o bom é que a Capcom já anunciou que irá melhorar os servidores para que os jogadores conseguissem jogar com uma maior tranquilidade.

Outra coisa que também já é de costume em outros joguinhos da franquia é a trilha sonora, que mistura estilos de músicas instrumentais, você pode conferir a trilha sonora logo abaixo:

Falar de histórias em jogos do tipo Monster Hunter é meio complicado, já que o jogo se foca quase que exclusivamente no combate e na exploração do Novo Continente (como é chamado o mundo em que MHW se passa). Vemos o nosso personagem ingressar em um grupo onde o foco é caçar e matar monstros, e o nosso objetivo no jogo é esse, caçar e matar. No final das contas quase que ninguém vai reparar na história e muito menos a sua qualidade, quando se temos vários monstros para matar, prestar atenção em outra coisa fica um pouco complicado. Apesar de tudo, senti falta de no mínimo uma história de fundo um pouco mais trabalhada junto com um enredo mais bem feito.

Outro fator bacana para nós da terrinha do pau Brasil, é que o jogo está com legendas e interfaces totalmente em PTBR, sendo assim o primeiro jogo da franquia a trazer algo do tipo.

Confira o trailer do jogo logo abaixo:

 

Monster Hunter: World já está disponível para Playsation 4 e Xbox One.

O jogo foi testado em um Playstation 4 e foi dado pela Capcom para ser realizada a análise.