[Crítica]- Vingadores Guerra Infinita

[Crítica]- Vingadores Guerra Infinita

0

Até que enfim o filme mais aguardado do ano chegou, a junção de QUASE todos os heróis do Universo Cinematográfico da Marvel em um filme só, contra a maior ameaça já visto pelos os mesmos. Confira a nossa crítica de Vingadores: Guerra Infinita.

Muito se dizia sobre o encontro dos heróis mais poderosos da Terra, contra o vilão mais poderoso do universo, Vingadores: Guerra Infinita não é apenas um filme e sim um momento mágico onde vemos diversos  personagens que amamos juntos contra um mal comum o melhor é que o jeito que a história de Vingadores 3 é contado é bem rápida e dinâmica com quase todo o filme cenas de batalha, mas também tenho uma boa dose de diálogos entre os personagens, fazendo assim ninguém desviar a atenção do filme em nenhum momento.

Vale falar sempre que os efeitos especiais nos filmes da Disney, principalmente os da Marvel são sempre MARAVILHOSOS, bem feitos, caprichados e detalhados da coisa mais minúscula e imperceptível até a maior coisa na tela do cinema. E Guerra Infinita se mantem assim, mas com um gostinho a mais, que é o poderosíssimos Thanos que em toda sua grandeza também foi bem trabalho nas CGI. Mas como nem tudo são flores os filhos do Thanos acabaram não recebendo a devida atenção (em nenhum dos momentos) e acabaram ficando pobres em detalhes, os que deixaram extremamente feios. Assistir ao filme em IMAX gera uma grande diferença, pois como o filme se trata de batalhas extensas, assistir em uma tela pequena não vão agradar a todos os fãs da editora.

Outro ponto importante é a trilha sonora que é de ótimo qualidade sempre combinando com a cenas na tela (principalmente as de batalha). Confira ela logo abaixo:

A história não é de perto a melhor coisa que a Marvel faz em seus filmes e dessa vez as coisas se mantem, Vingadores Guerra Infinita se não fosse pelo vilão Thanos seria mais um dos muitos filmes da Marvel nesses 10 anos de universo cinematográfico, Isso diz que o Thanos sem dúvida nenhuma é a melhor coisa que aconteceu nesse filme, com uma história fraquíssima e sem quase nenhum detalhe, Guerra Infinita apela para a presença do Thanos todo o filme, caçando os artefatos mais poderosos do universo, as Joias do Infinito, para quando achar o filme acaba, broxando a grande maioria dos fãs que esperaram por tanto tempo a estreia do filme imaginando cena de batalhas gigantes, porradaria, muita gente morta. Mas na verdade o que temos é simplesmente a caminhada de Thanos até as 6 Joias do Infinito. Mas para mim o maior problema sem dúvida nenhuma foi o desfecho do filme que apenas deixa os fãs tristes e com raiva do final, pois o filme acaba no meio, como se ainda tivesse muito para se contar, o problema é que vamos ter que esperar mais 1 ano para rever os heróis mais poderosos da Terra (pelo menos alguns, né) juntos contra o poderoso Thanos.

A atuação em geral é boa, dando o destaque para o Josh Brolin que interpreta o Thanos, o ator conseguiu se adaptar muito bem ao personagem pegando a essência do mesmo que vemos nos mais aclamados quadrinhos da Marvel. E também temos o Robert Downey Jr que sempre rouba a cena nos filmes que aparece, fora isso temos outras atuações medianas que são boas para o gasto.

Confira o trailer legendando do filme:

 

Vingadores: Guerra Infinita já está em cartaz em todos os cinemas brasileiros.

75% Muito Bom
  • Roteiro 50 %
  • Efeitos Especiais 90 %
  • Fotografia 80 %
  • Trilha Sonora 90 %
  • Enredo 70 %
  • Atuação 70 %
  • Direção 60 %

Compartilhe.

Sobre o Autor

Amante cinematográfico, adorador de música, games e viciado em Star Wars, um amor que nunca será entendido. Em seu tempo livre gosta de comer, ler e ficar procurando um jeito de viajar para uma galáxia muito distante.