Depois de quase 15 anos do seu lançamento, Phoenix Wright ganha finalmente sua versão resmaterizada para os consoles da nova geração (e o PC), mas com os três primeiros jogos da franquia. Veja o que nós achamos de Phoenix Wright: Ace Attorney Trilogy:

Phoenix Wright é um jogo diferente do que estamos acostumados. O primeiro jogo saiu em 2001 para GameBoy Advanced e os jogos seguintes saíram entre 2002 e 2004. Phoenix Wright é um point and click com temática dos universos dos advogados criminais. Nele nós recebemos um caso onde temos que defender alguém no tribunal, recolher provas e no final descobrir quem realmente foi que cometeu o homicídio, enquanto isso temos que enfrentar o promotor que tenta a todo custo fazer com que o nosso cliente seja preso. Dentro do jogo nós apenas andamos de um lugar para outro conversando com testemunhas e recolhendo provas, tudo isso para conseguirmos chegar em nosso objetivo. Já na corte a jogabilidade muda, durante o testemunho podemos pressionar a pessoa quando achamos que ela está escondendo algo, fazendo assim o testemunho mudar ou caso vermos uma contradição podemos erguer uma objeção que pode ou não ser aceita pelo juiz (caso não seja, perdemos uma vida, ao todo temos quatro, ao final delas perdemos o julgamento).

Quando foi lançado pela primeira vez ao GameBoy o jogo já era bonito, mas agora a Capcom trouxe a trilogia completa de Phoenix Wright: Ace Attorney remasterizada em Full HD em 60 FPS. Mesmo se passando quase 18 anos do lançamento do primeiro jogo, ele continua muito bonito para os dias atuais. Os gráficos são em forma de anime (desenho japonês). A fotografia é outra coisa que chama muita atenção.

A trilha sonora é outro ponto muito bom no jogo, com músicas de altíssima qualidade e extremamente marcantes. Inclusive as trilhas sonoras dos jogos ganharam uma versão conduzida por uma orquestra. Confira a trilha logo abaixo:

 

A história é o principal ponto do jogo. Nos 3 jogos que compõe a coletânea nós jogamos com o recém formado advogado de defesa Phoenix Wright onde nós temos que pegar casos que até então são impossíveis e conseguir inocentar o nosso cliente, mas não pense que só porque é um jogo de advogado que ele é totalmente sério, durante muitos momentos de diálogos do jogo temos alívios cômicos, tanto por parte de Phoenix quanto de outros personagens. No total dos três jogos temos 14 capítulos que em média possuem 3 dias de duração (dentro do jogo) que envolvem investigação e audiência no tribunal. Todos os episódios têm ótimos personagens (alguns se repetem e outros não) e uma história muito boa e empolgante, fazendo o jogo ficar bem mais dinâmico e menos chato.

Um dos únicos pontos ruins no jogo é que ele só está localizado para o idioma original (japonês) e o inglês. E como se trata de um jogo onde os diálogos são extremamente importantes isso faz com que jogadores que não sejam familiarizados com uma dessas duas línguas tenham uma grande dificuldade no entendimento dos casos dentro do jogo.

Confira o trailer do jogo logo abaixo:

Phoenix Wright: Ace Attorney Trilogy já está disponivel para playstation 4, Xbox One, PC, Nintendo Switch e Nintendo 3DS.

Recebemos o jogo da Capcom para realizar a análise. Testamos em um PC

 

 

 

Análise- Phoenix Wright: Ace Attorney Trilogy
4.5Excelente
Roteiro
Gráfico
Ambientação
Trilha Sonora
Jogabilidade
Votação do leitor 0 Votos