Mortal Kombat com certeza é uma das franquias mais amadas do mundo dos vídeos games e possivelmente é a maior franquia de luta do mundo inteiro. E depois de um tempinho chegamos ao 21º jogo da franquia, o Mortal Kombat 11.

Em termos técnicos Mortal Kombat 11 é um sucessor direto de Mortal Kombat X, tanto em gameplay quanto em gráficos, mas o mais impressionante é que dessa vez o jogo está com uma pegada mais lenta, com um foco maior na competitividade, forçando com que os jogadores tenham um maior domínio acerca dos personagens. Fora isso o jogo continua tão sangrento quanto o anterior e até em alguns momentos consegue ser visualmente mais pesado do que o seu antecessor. As mecânicas de jogo são boas e ao mesmo tempo que ajudam os jogadores mais novos na franquia não poupam desafios aos veteranos.

Visualmente Mortal Kombat 11 é lindo e ao mesmo tempo extremamente violento. Já é de costume termos os fatalities , golpes extremamente violentos que finalizam o oponente, e em MK 11 eles estão mais brutais e muito mais visuais do que os outros, mostrando os detalhes das partes dos corpos voando, explodindo ou se desintegrando. Os cenários também chamam a atenção pelos detalhes únicos dentro de cada mapa do jogo. As cutscenes são muito bem trabalhadas, ao ponto de em alguns momentos parecem realmente um filme com atores de verdade.

A trilha musical do jogo é icônica, mistura novas faixas com músicas já conhecidas pelos fãs da franquia Mortal Kombat.

Em jogos de luta uma das coisas menos importantes é a história, que muitas vezes só serve como um background e justificativa para a porrada comer solta. Em Mortal Kombat é mais o menos assim, mesmo que os desenvolvedores tentem entregar uma história bem-feita ela não consegue ser quase nada cativante e muitas vezes confusa (para aqueles que estão chegando de paraquedas no titulo podem se perder em diversos momentos). Sem contar que a trama que é apresentado a nós em Mortal Kombat 11 é semelhante com o Injustice (jogo baseado no universo de heróis da DC feito pelo mesmo estúdio) com viagem no tempo e universo alternativo, misturando passado, presente e futuro. A história dura em média 6 horas sendo que mais que a metade disso são feitas de excelentes cutscenes que até parecem um filme.

A Warner trouxe para Mortal Kombat 11 totalmente localizado para o português brasileiro, com menus, legendas e dublagem (dessa vez sem a Pitty equalizando a cara de ninguém).

Confira o trailer logo abaixo:

 

Mortal Kombat 11 já está disponível para Playstation 4, Nintendo Switch, Xbox One e PC.

Análise: Mortal Kombat 11 - Prepare-se para o Kombate
3.8Bom
Jogabilidade
Gráficos
Trilha Musical
Roteiro
Votação do leitor 0 Votos