Homem Aranha: Longe de casa com certeza é um dos melhores filmes de super. heróis dos últimos tempos.

O filme segue a formula Marvel de super-herói, não inova em quase nada e mantem o seu ritmo acelerado em quase todas as cenas do filme, priorizando sempre as cenas de ação, mas com ótimos diálogos que conseguem equilibrar o filme e não transforma-lo em algo maçante.

Os efeitos especiais são os maiores aliados de filmes de super-heróis, já que sem ele 90% do filme não seria possível de fazer. E uma coisa que a Marvel consegue fazer bem são ótimos efeitos. Quando se trata do Homem Aranha temos que lembrar que diferente de outros heróis, o amigo da vizinhança é um exímio acrobata, o que dificulta na hora de fazer os efeitos, já que muita coisa precisa ser realmente feita e não pós renderizada.

Os efeitos em geral são extremamente bem feitos e bem trabalhados. As cenas de batalha são bem coreografadas dando um ar de realismo ao filme. Sem contar que a fotografia é diferente do que vimos em Vingadores Guerra Infinita e Ultimato, um ar mais brincalhão que ajudou a consagrar o personagem nas telonas.

A trilha sonora é muito boa, remetendo a clássicos que já aparecerem em outros filmes do herói e até AC/DC. Confira a trilha logo abaixo:

O mais impressionante no filme é que a história mostrada realmente é boa e cheia de plots twists que ajudam a história a se montar. Em Homem Aranha: Longe de Casa acompanhamos o jovem Peter Parker após voltar do estalo tendo que voltar a sua vida normal em sua escola indo a uma viagem de “ciências” pela Europa, até que conhecemos Mysterio, um personagem de outra dimensão que veio lutar contra os Elementares, criaturas cósmicas que tem o intuito de destruir a Terra. O mais importante é dizer que o filme tem começo, meio e fim, ele consegue fechar a sua história e ao mesmo tempo dar uma brecha para os próximos filmes.

O mais impressionante nessa história toda é o plot que pega todos de surpresa e mudar totalmente o rumo da história, tanto a história do nosso herói, o Homem Aranha quanto influenciando no mundo e família dele.

Depois de Vingadores Ultimato terminar sem uma cena pós créditos, dando a entender que o futuro dos personagens era incerto, Longe de Casa apresenta não uma mais DUAS cenas pós créditos que com toda certeza são uma das melhores já feitas. Esquece aquilo que cenas pós créditos são apenas coisas engraçadas, em Homem Aranha 2 as cenas completam o filme e mostram as consequências geradas depois do final gerando um momento de arrepio com a volta de um personagem que é amado e foi muito tempo esperado pelos fãs do personagem.

A atuação do Tom Holland como Homem Aranha está cada vez melhor, percebe-se que o ator está cada vez mais se acostumando com o personagem, mostrando que sua escolha não foi um erro. Depois de Longe de Casa podemos dizer que ele foi uma das maiores revelações da Marvel pós Robert Downey Jr.

Confira o trailer legendado logo abaixo:

Peter Parker (Tom Holland) está em uma viagem de duas semanas pela Europa, ao lado de seus amigos de colégio, quando é surpreendido pela visita de Nick Fury (Samuel L. Jackson). Precisando de ajuda para enfrentar monstros nomeados como Elementais, Fury o convoca para lutar ao lado de Mysterio (Jake Gyllenhaal), um novo herói que afirma ter vindo de uma Terra paralela. Além da nova ameaça, Peter precisa lidar com a lacuna deixada por Tony Stark, que deixou para si seu óculos pessoal, com acesso a um sistema de inteligência artificial associado à Stark Industries.

 

Homem Aranha: Longe de Casa já está em exibição nos cinemas brasileiros.

Crítica: Homem Aranha: Longe de Casa
3.8Muito Bom
Roteiro
Fotografia
Efeitos Espeicias
Trilha Sonora
Atuação
Votação do leitor 0 Votos