Journey-640x426

Seria bacana achar um sapo assim no meio da Terra não?

Parece que Júlio Verne não estava muito longe da verdade, quando escreveu a Viagem ao Centro da Terra. Cientistas da universidade de Alberta podem provar que abaixo de nós existe um gigantesco oceano subterrâneo.

Em artigo publicado na conceituada revista “Nature” nesta ultima quarta-feira (12), cientistas disseram ter encontrado um pequeno diamante que aponta para a existência de um vasto reservatório abaixo do manto da Terra, cerca de 400 a 600 quilômetros abaixo dos nossos pés.

“Essa amostra fornece, de fato, confirmações extremamente fortes de que há pontos locais úmidos profundos na Terra nessa área”, declarou o principal autor do estudo, Graham Pearson, da Universidade de Alberta, no Canadá.

Pearson diz que isso indica que as teorias à base de água sobre a área entre manto superior e inferior da Terra provavelmente estão corretas.”Essa zona particular da Terra, a zona de transição, pode conter tanta água quanto todos os oceanos juntos”.

Ringwoodite

Este é o RingWoodite

O mineral ringwoodite foi descoberto pela equipe de Graham Pearson quase por acaso, em 2009, quando os pesquisadores examinavam um diamante marrom sem valor comercial, de apenas três milímetros, procedente da cidade brasileira de Juína, no estado do Mato Grosso.

O nome Ringwoodite vem do geólogo australiano Ted Ringwood, segundo o qual um mineral especial criaria uma zona de transição devido às altas pressões e temperaturas nessa área.

Alberta

Pearson defendeu que as implicações dessa descoberta são profundas. Se existe água, em grande volume, abaixo da crosta terrestre, isso implica um possível impacto significativo nos mecanismos dos vulcões e no movimento das placas tectônicas.

Você pode imaginar o que podemos encontrar nos fundos dos oceanos com os peixes abissais, mas o que será que poderíamos encontrar no centro da Terra?  Bah, quem sabe não encontramos uma outra civilização, seria bacana não? 😀

Via G1, GeekOsSystem