Amazon e MGM
Foto: Pavlo Gonchar/SOPA Images/LightRocket via Getty Images

Amazon adquire MGM, estúdio de 007, em compra multibilionária

James Bond agora pertence oficialmente à Amazon Studios, junto com mais de 4 mil filmes e 17 mil séries de TV existentes no catálogo da Metro-Goldwyn-Mayer (MGM), um dos estúdios mais icônicos e importantes de Hollywood. Para a Amazon, a compra de US$8,5 bilhões significa uma super recarga nos conteúdos do Prime Video, o serviço de streaming da companhia, além de obter o controle sobre as próximas sequências de diversas franquias de sucesso, como “Rocky”, “Pantera Cor-de-Rosa”, e “007”.

Jeff Bezos, CEO da Amazon, disse em sua reunião anual com os sócios e acionistas, que está muito animado com a compra da MGM.

“A tese da aquisição é bem simples na verdade: MGM possui um catálogo vasto e profundo de propriedades intelectuais muito amadas, e, com o talento do pessoal da MGM, e o talento do pessoal da Amazon Studios, nós podemos re-imaginar e desenvolver esses conteúdos para o século 21.” disse Bezos.

A MGM, fundada em 1924, possui um uma extensa herança de filmes clássicos, que acumulam mais de 180 Oscars e 100 Emmy’s, além de diversos outros prêmios. A Amazon promete preservar estas herança e facilitar seu acesso para que mais pessoas tenham contato com estas produções.

Não se sabe ao certo quando o acordo será fechado, mas sabe-se que ainda faltam algumas aprovações regulamentares e outros detalhes burocráticos, mas a compra é uma certeza. A compradora também afirma que o preço de compra inclui a aquisição dos débitos e dívidas da MGM, que continuará a operar como uma marca própria sob a direção da Amazon, possivelmente mantendo seus mais de oitocentos funcionários. 

Entre os materiais adquiridos pela Amazon e que devem estar disponíveis em seu catálogo de streaming em pouco tempo, estão “Legalmente Loira”, “Rocky”, “Creed”, “Silêncio dos Inocentes”, “The Handmaid’s Tale”, Fargo, e, claro, a franquia de James Bond, “007”.