Cat Cafe Manager

Cat Cafe Manager na E3 2021 – Entrevistamos os desenvolvedores!

Cat Cafe Manager foi anunciado hoje na E3, e é um dos jogos mais intrigantes vindos dos anúncios da conferência Freedom Games. Isso se dá pelo seu conceito único em que você cuida de uma cafeteria onde clientes podem interagir com os vários gatos que ficam pelo estabelecimento.

+LEIA TAMBÉM: TO THE RESCUE! VAI AQUECER SEU CORAÇÃO – PREVIEW

Tivemos a oportunidade de testar o preview do jogo e realizar uma entrevista com um de seus desenvolvedores, Rick Sorgdrager. Confira!

Enzo: Qual foi sua visão para o jogo?

Rick:  Podemos dizer que Cat Cafe Manager é um simulador de negócios relaxante, onde você constrói e cuida de seu próprio café de gatos e nele você poderá adotar vários gatinhos de rua e colecionar mobílias para fazer a cafeteria perfeita, conhecendo vários outros amigos no caminho. Esta é a ideia básica.

E: Como a ideia de um café de gatos veio a vocês quando começaram o desenvolvimento?

R: Eu cheguei a morar no Japão por um tempo, e na minha estadia lá acabei ficando um pouco viciado em [visitar] cafeterias de gatos em 2013. Hoje em dia, você consegue achar cafeterias do tipo em vários países, mas na época era algo que você basicamente só via naquele país.

Então eu lembro que uma vez estava em um desses cafés, fazendo carinho em um gato que estava no meu colo, e quando eu sai a pessoa que trabalhava lá me entregou o cartão de visita do gato. O nome dele era Nico. Então eu acabei pegando um cartão de visita de um gato, e eu fiquei tipo, uau, isso é estranho mas legal. “Eu quero fazer um jogo sobre isso um dia.”

Cat Cafe Manager

E: A ideia de um café de gatos ainda é bem estranha pra gente do Brasil, mesmo sabendo que existem alguns lugares assim por aqui. A ideia de um jogo assim tem bastante potencial!

R: Quando eu dei a ideia do jogo, eu descrevi ela como um “simulador de negócios relaxante” porque queremos que ele seja a representação da experiência ideal de ir em um café de gatos. Para mim, é entrar em um ambiente relaxante para tomar um chá e relaxar com os gatos, então o jogo seguirá essa ideia.

E: Como foram feitas as decisões estéticas do jogo, já que ele tem várias “tribos” que vem ao seu café?

R: Falando da estética, inicialmente eu e o Rutger (que é o ótimo programador do jogo) começamos os primeiros protótipos de Cat Cafe Manager com uma arte temporária, eventualmente chegando na conclusão de que o jogo deveria ser bem cartunizado e leve. Chamamos então a Carmen para fazer a arte. Nós já tínhamos trabalhado com ela no passado e ela é uma maravilhosa artista.

Falando das tribos presentes no jogo, eu cuidei da parte de história dele, sabíamos que queríamos incluir estes grupos “estranhos”, reconhecíveis e bem diferentes uns dos outros. Quando falamos dessas ideias com a Carma, tivemos estas ideias como a inclusão de um Coven de Bruxas na cidade, um grupo de pescadores, etc.

E: O jogo terá um arco de história com personagens como em, por exemplo, Stardew Valley?

R: Existe um final, mas ele não é baseado em tempo como em Stardew Valley. Ele é baseado na sua progressão no Shrine (“Santuário” em tradução livre), onde um gato estranho chamado Grimalkin te chama para renová-lo por motivos misteriosos, funcionando como uma árvore de upgrades. Com o tempo você vai descobrindo os vários segredos da cidade.

Além disso você vai poder conhecer vários outros personagens e cada um deles vai te fazer entender um pouco mais da história da cidade. Eventualmente, se você renovar todo o Shrine, você vai poder ver o fim do jogo com direito a créditos. Mesmo assim, não tem como dar game over ou limite de tempo, já que a proposta é dar uma experiência relaxante.

E: A história vai ser um grande foco? Eu percebi que existem várias escolhas na demo, e bastante diálogo com os personagens também.

R: Sim, é uma das características principais dele. Existem seis grupos de clientes diferentes, e cinco regulares que vão conversando com você, e eles te dão escolhas com o tempo. Eles tem vários probleminhas e situações com as quais você pode ajudar diariamente.

Além disso, também tentamos reforçar esta ideia nas mecânicas. Por exemplo, existem vários tipos de mobília que você só pode desbloquear virando amigo da clientela, e ganhar de presente deles também. Você também terá que aumentar os níveis deles ao fazer amizade, algo que deixa este tipo de cliente mais difícil, mas faz eles pagarem mais.

Cat Cafe Manager 2

E: A preview incluía apenas quatro dias dentro do jogo e eu nem vi o tempo passar, então quando terminei ela acabei rejogando e foi realmente agradável. Algumas mecânicas são bem parecidas com outros jogos do gênero, e outras são completamente diferentes.

R: É bom ouvir que você gostou da demo. Na nossa equipe cada um pensa em jogos de estratégia de um jeito diferente. Por exemplo, eu sou fã de Harvest Moon, o programador ama jogos mais hardcore como Rimworld, e a artista gosta mais de The Sims, Animal Crossing, entre outros. Então a gente acabou fazendo um jogo cheio de mecânicas, mas que não tem tanta punição ao jogador.

E: Eu também percebi que existem várias moedas no jogo, uma para cada grupo de clientes. Você pode se aprofundar em como funciona este sistema?

R: Você vai começar só com um pouco de dinheiro, e conforme vai fazendo progresso vai liberando mais tipos de moedas como peixes, néctar, madeira e etc. Então cada grupo de clientes paga com um desses recursos, como os pescadores, que obviamente pagam com peixes, e os viajantes e empresários, que pagam com dinheiro. Com eles, você pode comprar recursos nas várias lojas pela cidade.

Gatinhos

E: Poderia dizer como funciona o loop do jogo quando um jogador chega mais perto do final, e todas as mecânicas já estão desbloqueadas?

R: O jeito que visamos os estágios finais do jogo funcionando é de você ter que cuidar de várias coisas ao mesmo tempo. Por exemplo, se você tem um gato que se dá bem com pescadores e você precisa liberar o sanduíche pois os clientes estão pedindo, você vai precisar de néctar, que é usado pra comprar receitas, e as bruxas dão néctar, assim você vai precisar de um gato bom com bruxas.

Os diferentes [tipos de] gatos também precisam de outras coisas, como gatos que gostam muito de brincar, então você precisa ter vários brinquedos pelo café; ou gatos mais irritadiços que precisam de bolas para arranhar coisas do tipo.

E: Na demo não dá para ter um visão completa de como será cuidar dos gatos por longos períodos de tempo. Como vai funcionar isso?

R: Os gatos com níveis maiores terão que, assim como na clientela, receber mais atenção, e eles vão ficando com mais necessidades, como um gato guloso que precisa direto de refis em seus potes de comida, entre outros que terão comportamentos únicos dependendo de suas personalidades.

E: O jogo vai ter alguma localização para português do Brasil?

R: Isto é algo que não estava planejado inicialmente, mas podemos conversar com a publicadora e ver se é possível colocar legendas nele!

E: E quando podemos esperar um lançamento?

R: Estamos planejando lançar Cat Cafe Manager na primeira metade de 2022, para PC e Nintendo Switch.

Veja a página da Steam do jogo e confira o trailer da E3 de Cat Cafe Manager abaixo:

Confira tudo que vai rolar na E3 2021 aqui no RDD!

Para o resto dos eventos desse ano, você pode nos acompanhar cobrindo a E3 2021 e a Summer Game Fest ao vivo no nosso canal da Twitch!

Também cobriremos o resto das conferências dos eventos por meio de matérias como esta, então fique ligado para mais nos próximos dias!